sábado, 27 de setembro de 2014

HOMEM FOI PRESO EM PATOS ACUSADO DE ATIRAR EM VIATURA DA PM


Um fato chamou a atenção das forças de segurança pública na tarde desta sexta-feira, dia 26, no Bairro Vila Teimosa, vizinho ao Conjunto Bivar Olinto, saída para Piancó, em Patos. Um homem identificado como sendo Francisco Soares dos Santos, 19 anos, conhecido por “Juninho”, está sendo acusado de ter feito disparos de fogo contra uma viatura da Polícia Militar.

A guarnição atacada estava realizando diligências para desmantelar um local suspeito de venda de drogas na Vila Teimosa quando foi alvejada por disparos de arma de fogo. O local, conhecido popularmente como “Boca de Fumo”, poderia estar sendo vigiado por Francisco Soares que é ex-presidiário.

Os tiros não chegaram a atingir a viatura da Polícia Militar, mas desencadeou uma perseguição policial contra o acusado dos disparos. Francisco Soares foi detido, mas não foi localizada a arma usada para a prática dos disparos contra a viatura.

Francisco Soares foi preso e encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil onde responderá pelas acusações. Ele nega ter efetuado os disparos e disse que estava jogando baralho. “Não fui eu. ‘Tava’ jogando baralho e nem sei o que eu tô fazendo aqui”, relata Juninho.

Jozivan Antero – Patosonline.com

0 comentários:

Postar um comentário

IV – “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;

VI - é inviolável a liberdade de consciência e de crença, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos e garantida, na forma da lei, a proteção aos locais de culto e a suas liturgias;

VIII - ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política, salvo se as invocar para eximir-se de obrigação legal a todos imposta e recusar-se a cumprir prestação alternativa, fixada em lei;

IX – é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença”;

 
CARCARÁ PARELHAS | by TNB ©2010