quarta-feira, 17 de setembro de 2014

Com duas novidades, Dunga convoca para jogos contra Argentina e Japão


Laterais Mário Fernandes, do CSKA, e Dodô, do Internazionale, são as surpresas da lista. Seleção fará turnê pela Ásia em outubro com partidas na China e em Cingapura


Por Alexandre Alliatti e Edgard Maciel de SáRio de Janeiro



O técnico Dunga anunciou na manhã desta quarta-feira a lista de convocados para os dois próximos compromissos da seleção brasileira, em outubro: contra Argentina, dia 11, em Pequim, na China, válido pelo Superclássico das Américas, e Japão, dia 14, em Cingapura. Chama a atenção a manutenção da base da primeira convocação do treinador, no mês passado. As principais novidades foram os laterais Mário Fernandes, do CSKA Moscou, e Dodô, do Internazionale.


O atacante Robinho, do Santos, foi mantido na vaga herdada de Hulk, cortado dos jogos contra Colômbia e Equador e deixado fora da lista desta vez. Critério diferente foi usado para Marcelo, do Real Madrid, chamado para substituir Alex Sandro, do Porto, tirado por lesão também, e reserva de Filipe Luís nas duas partidas nos Estados Unidos. Maicon, do Roma, dispensado depois do primeiro teste por chegar atrasado na reapresentação, não é outro que também não volta.

SAIBA MAIS
Dunga mostra incômodo com Hulk e explica chance a Mário Fernandes
Gilmar Rinaldi não descarta Maicon e garante chance no futuro para Hulk
Chateado com ausência em lista, Hulk aguarda nova chance: "Fiquei triste"

Dunga justificou a repetição da convocação da maior parte dos jogadores dos primeiros amistosos alegando ser importante a formação de um grupo nesse início de trabalho.


- É um início de trabalho. Fizemos apenas dois jogos, temos que manter uma estrutura, ter uma sequência de trabalho. Não se pode mudar tanto, principalmente após uma Copa. Tem que dar segurança aos jogadores, para se sentirem à vontade na Seleção. Se mudarmos a todo instante, não vamos fazer nem uma coisa nem outra - disse o treinador.

Dunga: poucas novidades na segunda convocação (Foto: Alexandre Durão / Globoesporte.com)

Mário Fernandes ganha uma nova oportunidade na seleção brasileira três anos após abrir mão de uma convocação. Em 2011, curiosamente convocado também para um Superclássico das Américas pelo técnico Mano Menezes, o jogador, então no Grêmio, alegou problemas pessoais e não se apresentou ao grupo.

Após recusar convocação em 2011, Mario Fernandes está de volta (Foto: Bolla Press / DVG)

A convocação vai gerar desfalques importantes para Botafogo, Corinthians, Cruzeiro, Atlético-MG e Santos. Além das 28ª e 29ª rodadas do Campeonato Brasileiro, os jogadores ainda vão perder a partida de volta das quartas de final da Copa do Brasil.


Neste ano, o Superclássico das Américas será realizado em uma partida apenas, em campo neutro, diferentemente dos jogos de ida e volta em cada país. Depois que foi retomado em 2011, o confronto acontecerá pela primeira vez em uma data Fifa, o que acaba com a limitação de convocar apenas jogadores que atuam nos dois países.


O coordenador Gilmar Rinaldi ainda anunciou o auxiliar pontual. Após Mauro Silva, dos primeiros dois amistosos, o ex-jogador Edu, campeão mundial em 1970, ajudará Dunga no Oriente.via sertaonamidia.com.br
Curta nossa página no Facebook e fique atualizado em tempo real. https://www.facebook.com/sertaonamidia

0 comentários:

Postar um comentário

IV – “é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato;

VI - é inviolável a liberdade de consciência e de crença, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos e garantida, na forma da lei, a proteção aos locais de culto e a suas liturgias;

VIII - ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política, salvo se as invocar para eximir-se de obrigação legal a todos imposta e recusar-se a cumprir prestação alternativa, fixada em lei;

IX – é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença”;

 
CARCARÁ PARELHAS | by TNB ©2010